quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

#3meses15livros: Quatro

    Pela ordem correta do desafio, eu deveria estar lendo a Companhia Negra de Glen Cook, mas não estava conseguindo dar continuidade a leitura, que não estava fluindo muito bem, então resolvi deixa-la para depois e passar os outros livros na frente.   
    Quatro é um livro da série Divergente de Verônica Roth e conta a história de Tobias desde o momento antes de sua transferência até o fim de sua iniciação na Audácia.

     Além de três capítulos que antecedem os acontecimentos de Divergente, podemos ler também quatro capítulos, pelo ponto de vista de Tobias, que se passam na mesma época em Tris se torna iniciada.
    No geral, eu gosto de manter um certo mistério sobre a mente de alguns personagens, por esse motivo sempre fico com medo quando é anunciado livro com pontos de vista diferentes, mas eu acabei por achar esse bem interessante.
     Nesse livro, podemos conhecer melhor as inseguranças e dúvidas de Tobias Eaton, desde os tempos assustadores em que vivia com seu pai até se tornar o homem forte e decidido que poderia ter sido líder de sua nova facção.



       Fiquei com medo de que ao se aprofundar mais na personalidade de Tobias, surgissem incoerências com a história anterior, mas acredito que isso não tenha acontecido, com exceção do fato de nesse livro, é mostrado o fato de Quatro ser um homem observador, perspicaz e muito inteligente, coisa que eu particularmente (apenas em minha opinião) discordo, pois alguns de seus atos durante a série foram  muito impensados, causando alguns momentos trágicos.

       A leitura é leve, muito bem dividida, e assim como os outros da série, li de forma rápida e meio compulsiva. Recomendo!


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, não utilizem palavras ofensivas ou divulguem spoilers de qualquer espécie.

Obrigada!