domingo, 3 de maio de 2015

O que assisti essa semana 9

    Na segunda- feira assistimos ao romance Se Eu Ficar, baseado no livro homônimo escrito por Gayle Forman.
     Mia é uma violoncelista talentosa, que vive apenas para sua música até conhecer Adam, um roqueiro popular, com quem acaba tendo um relacionamento amoroso.
     Além das decisões normais para sua idade, a jovem tem de fazer uma escolha complicado após um terrível acidente que envolve toda sua família.
     O filme é bem tranquilo, e até meio parado, mas conta uma história bonita, e a relação da personagem principal com seus pais faz valer a pena assistir.




     No meio da semana decidimos assistir ao filme X-Men Dias de um Futuro Esquecido, mesmo sem grandes expectativas.
     Em um futuro não muito distante, a raça humana e os mutantes foram quase extintos durante a guerra contra as sentinelas, e a única salvação para os poucos sobreviventes é alterar os acontecimentos do passado que resultaram nesse confronto. Cabe a Logan (Hugh Jackman), retornar e impedir que a destruição aconteça novamente.
      Depois  de assistir X-Men Primeira Classe, eu já esperava não gostar de Dias de um Futuro Esquecido, só não esperava que seria tão ruim para mim.
      Achei tudo muito exagerado, e todo esse clima de romance entre a Mística e todos os outros personagens muito forçado. A história foi mal elaborada e a falta de continuação das histórias anteriores me incomoda muito.


  O último filme que vi na semana foi Interestelar, dirigido por Christopher Nolan e estrelado por Matthew McConaughey.
 
      Em futuro que não datado, a Terra sofre com uma epidemia de praga que devasta as plantações. Cooper é um ex-piloto da NASA que vive com sua família em uma fazenda e acaba descobrindo uma anomalia gravitacional no quarto de sua filha, e isso o leva ao encontro de cientistas que tentam localizar um novo planeta para a humanidade sobreviver.
      Acho que não é novidade para ninguém, que filmes espaciais geralmente não me agradam, e infelizmente, esse não foi uma exceção. A história me pareceu longa e meio maçante.
    

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, não utilizem palavras ofensivas ou divulguem spoilers de qualquer espécie.

Obrigada!