sexta-feira, 3 de junho de 2016

Trono de Vidro


      Celaena Sardothien é um assassina famosa, a mais temida de toda Andarlan. Após ser presa, passa um ano como escrava nas terríveis minas de sal de Endovier, até que surge uma oportunidade que pode lhe devolver sua tão sonhada liberdade.
      O príncipe Dorian lhe propõem um acordo, se participar da competição para se tornar a campeã do rei e vencer, logo poderá se tornar uma mulher livre.
     Apesar da repulsa em precisar trabalhar para um governante que abomina, Sardothien precisa medir com cuidado seus atos, pois essa pode ser a única chance de recomeçar sua vida.
      Novos motivos começam a motiva-la a se tornar a campeã, mas perigos misteriosos complicam seus planos e ameaçam a vida de Celaena e das pessoas que ela aprendeu a gostar.

       A história tem uma escrita fluída, que facilita a leitura e te deixa bem envolvida. Terminei em pouco mais de dois dias.
       Os personagens são sem dúvida a melhor parte do livro, cativantes e profundos, com interações muita divertidas entre si. Com o tempo, você vai conhecendo um pouco mais do interior deles e de suas complexidades.
      Celaena ao mesmo tempo que é mortal e perigosa, tem um grande senso de justiça e uma bondade inesperada em uma assassina, além de um forte positivismo e um ótimo humor.
        Meu personagem preferido foi com toda certeza o capitão a guarda real Chaol Westfall, que tem como obrigação colocar Celaena novamente em forma para a competição. Ele é responsável e muito racional, mas adora provocar a jovem.


      As capas de toda a saga do  Trono de Vidro são lindas e não vejo a hora de adquirir as continuações.

         
       Ah! E como todo bom livro de fantasia, temos um mapa mostrando o continente de Erilea, onde se passa a história.



       As únicas coisas que eu não gostei muito durante a leitura foram as partes mais previsíveis da história como o possível triangulo amoroso envolvendo os protagonistas. Isso meio que tem se tornado muito comum na maioria dos livros :s.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, não utilizem palavras ofensivas ou divulguem spoilers de qualquer espécie.

Obrigada!