sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

O Justiceiro

ator Jon Bernthal como justiceiro

     Na série O Justiceiro, spin-off de Demolidor, acompanhamos Frank Castle (Jon Bernthal) tentando se adaptar a sua nova vida, já que acredita que sua vingança está concluída, mas novas informações sobre a morte de sua família e um novo aliado, faz com que o ex-fuzileiro retome sua antiga rotina.

      A série mistura investigação e muita ação, com um roteiro bem simples, mas amarradinho. 
     Novos personagens são apresentados, e alguns são bem cativantes, como David (Ebon Moss-Bachrach), novo aliado de Frank, que o ajuda a descobrir quem são os verdadeiros responsáveis pelas tragédias na vida dos dois.
       Infelizmente nem todos os personagens foram bem aproveitados, um exemplo disso é a agente especial Dinah Madani (Amber Rose Ravah), que poderia ter grande importância para a história, mas acabou se tornando mais uma vitima do que uma aliada, e isso me incomodou bastante.

      As cenas de ação, apesar de interessantes, são um tanto quanto exageradas. Por mais que Frank seja forte e resistente a dor, nenhum ser humano poderia agir como ele com tantos ferimentos. Essa incrível resistência acaba se estendendo para os vilões principais. Até é compreensível que no meio da ação, você não perceba alguns ferimentos, mas se você toma uma facada no peito, imagino que deva ficar difícil mexer os músculos do braço como se aquilo não fosse nada :p

     Achei que o final foi satisfatório, mas espero que a segunda temporada, já confirmada pela Netflix, mude um pouco o enredo, deixando o passado de Frank apenas como parte de suas características.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, não utilizem palavras ofensivas ou divulguem spoilers de qualquer espécie.

Obrigada!