domingo, 4 de fevereiro de 2018

OQAES: Bright



A história de Bright se passa em uma realidade futurista, onde humanos, elfos, orcs e centauros vivem na mesma sociedade. Ainda que essa relação pareça pacífica, ainda existe muito preconceito com algumas raças.

O policial Daryl Ward (Will Smith) tem como parceiro o primeiro agente orc, Nick Jakoby (Joel Edgerton) e isso acaba gerando conflito e desconfiança entre eles, além de uma tensão com os outros policias.

As coisas ficam ainda mais complicadas quando eles encontram uma jovem com uma varinha mágica, que está sendo perseguida por uma perigosa elfa exilada, que quer despertar o senhor das trevas.

O novo longa da Netflix tem uma premissa interessante e se tivesse sido bem desenvolvido podia ter sido bem inovador, mas infelizmente, seu roteiro foi simples demais, sem um aprofundamento da história ou dos personagens. Muita ação e um enredo que não faz sentido.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, não utilizem palavras ofensivas ou divulguem spoilers de qualquer espécie.

Obrigada!